Inicial Open ESPM Professor comenta sobre criatividade durante OPEN ESPM

18 -October -2018 - 08:08
Professor comenta sobre criatividade durante OPEN ESPM PDF Imprimir E-mail
Escrito por Rafael Moraes (1º Semestre)   
Sex, 23 de Maio de 2014 18:03

O workshop "Processo Criativo", ministrado pelo publicitário e professor da ESPM-Sul Fernando Bakos, ocorreu no dia 21 de maio. O evento, que apresentou técnicas e ideias para potencializar a criatividade dos estudantes inscritos, fez parte do ciclo de eventos da terceira edição do OPEN ESPM.



O professor abriu o workshop com uma pergunta: o que é criatividade? Seguros nas respostas, os alunos definiram a palavra como "repensar o que já foi pensado" e "fugir da realidade". Bakos completou afirmando que o mundo da criatividade deveria gerar mais pessoas precoces, pois, segundo o professor, ninguém é mais criativo que uma criança. O publicitário também apresentou aos estudantes estratégias de criação. Disse que elas estão relacionadas à linguagem e à ação, já que não criamos parados ou sem nos comunicar.

Bakos mostrou dicas para os estudantes se manterem criativos. Experimentar escrever só por escrever, sair de perto do computador, permitir-se cometer erros, cercar-se de pessoas criativas e não desistir foram algumas delas. O publicitário citou um exemplo de uma palestra que apresentou ao público via Facebook. Ele criou uma página na rede social com o conteúdo a ser abordado, e se manteve online durante todo o evento. “Foi uma maneira inusitada de apresentar que me veio à cabeça. Foi interessante por que o publico podia comentar sobre as ideias na página, além de curtir e compartilhar o que estava sendo dito”, afirmou o professor.

Fernando Bakos realiza workshop sobre criatividade./ Foto: Marina Krapf

No final do workshop, Bakos se reuniu com os alunos no centro da sala, onde os mostrou uma série de produtos “inusitados”. Um lápis torto, uma adaptação de telefones fixos para smartphones, um isqueiro em forma de fósforo, um bloco de notas metade quadriculado metade pautado, vários clips em forma de números, canetas com Post Its, todos faziam parte da coleção do professor. “Do mais inútil ao extremamente útil”, comentou, mostrando que produtos diferenciados chamam mais a atenção dos consumidores. 

Finalizou o workshop com uma atividade na qual dividiu os alunos presentes em grupos. O professor distribuiu uma série de imagens incomuns para os estudantes, que deveriam criar histórias ou ideias para propagandas das figuras, retiradas da internet.


Última atualização em Dom, 25 de Maio de 2014 16:44