Inicial Sala de Aula

25 -September -2018 - 12:14
Fórum da Liberdade 2011 – Inovações e Tendências PDF Imprimir E-mail
Escrito por Renata Medeiros   
Seg, 30 de Maio de 2011 15:56

O XXIV Fórum da Liberdade foi realizado em Porto Alegre, nos dias 11 e 12 de abril e teve como tema a liberdade na era digital. O evento contou com oito painéis, que eram constituídos por duas pequenas palestras e, em seguida, por um debate entre os palestrantes, com perguntas enviadas pelo público e conduzido por um mediador.  Do segundo deles,  intitulado “Inovação e tendências: olhando o futuro”, participaram Carlos Affonso de Souza, Doutor em Direito Civil, e Rony Rodrigues, sócio-fundador do Grupo Box 1824.

Carlos Affonso abriu o segundo painel falando sobre questões jurídicas na internet, porque, como o jovem está cada vez mais conectado às redes, fazer downloads, copiar e compartilhar versões de uso pessoal tornou-se uma prática comum no dia a dia cibernético. Acontece que, nem sempre, essa apropriação de conteúdos acontece de forma adequada.

Existe uma legislação que proíbe o usuário de baixar arquivos protegidos por direitos autorais,em contrapartida, há sites que liberam esses conteúdos para download livre e gratuito, desrespeitando, portanto, essa legislação. Mas destaca que “o acesso à internet deve ser reconhecido como um direito fundamental de todas as pessoas”. Ainda fala que esse cenário é velho conhecido da história, pois mostra como as leis são burladas facilmente em certos países, contanto ainda acha que a internet é um dos principais meios de expressão disponíveis atualmente.

O segundo palestrante foi Rony Rodrigues, que falou justamente sobre a vida virtual desses jovens que Carlos Affonso também havia apontado. Para ele, hoje em dia, os adolescentes têm muita privacidade. Podem fechar a porta do quarto e navegar na internet sem supervisão ou intervenção nenhuma dos pais ou responsáveis, o que é muito bom para a construção da identidade de cada indivíduo, mas, com excessos e, se usada de maneira indevida, a internet pode desencadear não somente os crimes virtuais aos quais se referiu o palestrante anterior, mas também o isolamento social e a agressividade. Ao final de sua apresentação, deixa a mensagem de que é imprescindível que haja responsabilidade e senso crítico para que possamos selecionar os conteúdos bons da internet, pois “ao contrário do que se ouve por aí, não há só lixo na rede”.

Para encerrar o painel, o mediador Sardenberg, comentarista de economia do Jornal da Globo,  questiona sobre a importância da internet para aproximar as pessoas. Rodrigo afirma que quase não há mais divisão entre a vida on-line ou off-line dos internautas, pois, com as ferramentas disponíveis, compartilhamos o que fazemos instantaneamente e podemos conversar com alguém que está no Japão como se fosse nosso vizinho.

Última atualização em Seg, 25 de Agosto de 2014 17:08