Inicial Tarde em Pauta ENEJ 2013 proporciona troca de experiência entre estudantes

21 -September -2018 - 23:59
ENEJ 2013 proporciona troca de experiência entre estudantes PDF Imprimir E-mail
Escrito por Matheus Pandolfo (3º semestre)   
Sex, 12 de Julho de 2013 11:39

O Encontro Nacional de Empresas Juniores 2013 foi realizado em Porto Alegre com a participação de mais de 150 empresas de várias partes do Brasil que têm como objetivo a interação e a troca de experiências entre os participantes, além de oferecer palestras para a reflexão desses futuros jovens empreendedores. Essas empresas não têm fins lucrativos e são formadas exclusivamente por alunos de graduação e buscam com a experiência de mercado incrementar a formação acadêmica dos universitários.



O tema deste ano é “Seja o Exemplo”. “Nós estamos abordando essa questão de uma forma diferente do chavão, de ser o bonzão. A gente quer mostrar pras pessoas que aqueles que servem de exemplo pra nós não têm isso como objetivo. Eles não fazem determinadas coisas pensando em ser o nosso exemplo. Eles fazem o que gostam. A consequência disso é que elas acabam se tornando o exemplo para nós. Tem uma metáfora que explica isso que é: encher para transbordar. Primeiro a pessoas se enche para depois transbordar quando acaba impactando nos outros, como resultado de sua própria realização, do que ela acha certo e gosta de fazer”, disse o assessor de comunicação do ENEJ 2013, Bruno Mesquita.

As empresas presentes abrangem diversos cursos como administração, farmácia, engenharia civil, publicidade e propaganda, entre outros. Essa mistura resulta em um ambiente propício para troca de ideias entre as diferentes áreas. Os alunos Lucas Macoris, Natália Barcellos e Arthur Guerra são um exemplo, os três trocavam ideias sobre as juniores das quais fazem parte.

Confira a galeria de fotos
O Presidente da Humanize Excelência em Desenvolvimento e Liderança  Alexandre Cury  foi um dos palestrantes do evento.


 “O Encontro Nacional de Empresas Juniores é muito melhor pra gente, porque quando tu fica no encontro estadual você conhece outras empresas mas elas são mais parecidas. Agora aqui se vê empresas de diferentes escopos, outras atuações e configurações diferentes. Então tem muitas ideias que você pode pegar que nunca teria imaginado”,  disse o Diretor de Marketing da Junior FEA - Ribeirão Preto, Lucas.

“Aqui você tem reunido empresas de vários estados, que tem culturas diferentes que faz com que a gente vá pensando fora da caixa. A gente vê que tem empresas que fazem de um jeito que a gente não está acostumado a fazer, tem até programas que o pessoal usa aqui no sul que lá no Rio a gente não conhece. Então a gente vai interagindo e isso agrega muito. É um evento colaborativo muito importante pro movimento”, completou a consultora de marketing da Ayra Consultoria (UFRJ), Natália.

“Tu tem uma diversidade enorme de empresas aqui. Tem grandes, tem pequenas e elas podem se ajudar mutuamente não importa o seu tamanho. Às vezes tem um detalhe que você conversa com as pessoas e você consegue tirar uma ideia dali”, disse o membro da Meta Consultoria (UFF), Arthur.

Apesar de a data do evento coincidir com o Dia Nacional de Luta (uma paralisação geral convocado pelos sindicatos no dia 11 de julho) a organização do evento conseguiu contornar o problema. “Eu estou gostando muito do ENEJ e da organização, apesar de algumas coisas que aconteceram por causa dos protestos. A festa ontem foi boa, e as palestras, estou gostando muito. Elas estão agregando bastante valor e estou conhecendo bastante gente”, contou o membro da Campe Consultoria (UFJF), Carlos Eduardo. O evento foi organizado pela Federação das Empresas Juniores do Estado do Rio Grande do Sul, da qual faz parte a Empresa Júnior ESPM.

Confira a reportagem do Portal de Jornalismo

 

Última atualização em Ter, 19 de Agosto de 2014 16:55